Skip to content

Como Calcular Décimo Terceiro

Fim de ano chegando e uma pergunta ecoando: Afinal, como faço para Calcular Décimo Terceiro?

Antes de saber como calcular o décimo terceiro, é necessário que você saiba do que se trata, pois, acredite, não são todos que o conhecem.






Por isso, saber como ele funciona e qual é o valor que você tem direito é de extrema importância, pois, quaisquer informações equivocadas ou inexistentes, devem ser contestadas.

Este artigo trará as respostas necessárias para que você tenha as informações necessárias sobre o décimo terceiro e saiba se você tem direito, como é feito o cálculo e quais são as datas mínimas e máximas para que ele seja pago.

O que é décimo terceiro?

O décimo terceiro, conhecida por algumas pessoas como gratificação de Natal, é uma lei vigente desde julho de 1962.

Nesta lei, é garantido ao trabalhador registrado em carteira que receba 1/12 (um doze avos) da remuneração que consta por mês trabalhado.

Isso significa que, no final do ano, o trabalhador receberá um salário a mais, já que são completados 12 meses.

Como é feito o pagamento do décimo terceiro?

O pagamento do décimo terceiro deve ser feito em duas parcelas e que, em certo ponto, ficam a critério do empregador, já que pode ser feito em quaisquer datas, desde que não passem das estipuladas na lei aprovada em agosto de 1965.

As datas do pagamento das parcelas do décimo terceiro são: até 30 de novembro (1ª parcela) e 20 de dezembro (2ª parcela).

Porém, é importante saber que o trabalhador terá direito ao valor correspondente ao período trabalhado, ou seja, se ele trabalhou 8 meses, receberá o correspondente a 8/12 (oito doze avos).

Qual é o valor pago na primeira e última parcela do 13° salário?

As parcelas do décimo terceiro são divididas em duas, mas isso não significa que terão o mesmo valor, já que seguem um padrão distinto.

Enquanto na primeira parcela o cliente recebe, exatamente, metade do salário integral, ou seja, 50% da quantia que vem descrita no holerite.

Agora, no caso da última parcela, serão descontados o valor do Imposto de Renda (caso o salário alcance o teto mínimo para tal desconto) e INSS.

Quem tem direito ao décimo terceiro?

Válido apenas para quem possui registro em carteira de trabalho, o décimo terceiro salário começa a ser contabilizado a partir do décimo quinto dia de serviço, isto é, 15 dias após a assinatura da carteira feita pela empresa empregadora.

Ademais, aposentados e pensionistas do INSS também tem direito, já que sofrem descontos no decorrer do ano condizentes com o de um empregado em plena atividade.

Sobre a categoria do trabalhador, não há distinção de quem quer que seja.

Sendo assim, pessoas que trabalham em grandes cidades ou no campo, homens ou mulheres, jovens ou adultos, avulsos ou em equipe, têm direito ao décimo terceiro.

Como calcular o décimo terceiro?

O cálculo do décimo terceiro não requer muita expertise, pois é fundamentado no valor do salário e em quantos meses do ano o trabalhador constou como registrado.

Para que você consiga fazer a qualquer momento e lugar, siga os seguintes passos:

  • Pegue o seu salário integral;
  • Divida o salário por doze;
  • Multiplique o resultado pelo número de meses trabalhados.

Veja um exemplo:

O seu salário é de R$ 1.200,00.

Suponhamos que você tenha trabalhado 10 meses na empresa atual.

Sendo assim, o valor do seu décimo terceiro será de R$ 1.000,00, já que é valor do seu salário dividido por doze e multiplicado pelos meses trabalhados, ou seja, R$ 1.200,00 dividido por doze e multiplicado por dez.

Como calcular decimo terceiro proporcional

O décimo terceiro proporcional é o beneficio concedidos aos trabalhadores que não completaram um ano ocupando determinada função, veja mais a seguir.

Muitos trabalhadores contam com o décimo terceiro para equilíbrio de suas contas, para cobrir gastos com as festas de fim de ano ou para o pagamento de impostos do inicio do próximo ano (como o IPVA e o IPTU, por exemplo).

Tal gratificação é instituída pela Consolidação das Leis Trabalhistas (Lei nº 5.452 de 1943) e deve ser paga em até duas parcelas antes do fim do último mês do ano.

O valor pago no décimo terceiro é de 1/12 do salário para cada mês trabalhado, sendo assim, mesmo aqueles que não trabalharam durante todo o ano possuem direito a essa gratificação, só que proporcional.

Você trabalhou durante um período menor que 12 meses e quer saber qual é o valor do seu décimo terceiro? Veja a seguir como aprender a calcular o décimo terceiro proporcional de forma simples!

Exemplo de cálculo do décimo terceiro proporcional:

Conforme já mencionado, o valor do décimo terceiro é em função dos meses trabalhados. Para cada 1 mês trabalhado, adiciona-se ao beneficio 1/12 do salário do trabalhador.

Desta forma para calcular o décimo terceiro proporcional basta seguir os seguintes passos:

  1. Divida o seu salário em 12;
  2. Faça o cálculo de quantos meses esteve ocupando tal função;
  3. Multiplique o valor encontrado na divisão do salário (passo 1) pelo número de meses trabalhados (passo 2).

Para ficar ainda mais claro, observe o exemplo a seguir:

  • Carlos ganhava 1 salário mínimo (R$998,00);
  • Ele trabalhou durante 7 meses consecutivos na empresa;

Para calcular seu décimo terceiro proporcional, Carlos dividiu seu salário por 12 e chegou ao valor de R$83,16, após multiplicou o valor encontrado pela quantidade de meses trabalhados (R$83,16 x 7) e chegou ao valor de R$ 582,12, sendo esse o valor de seu décimo terceiro no referido ano.

Gostou do post de Como Calcular Décimo Terceiro? Então compartilha o conteúdo com seus amigos nas redes sociais e deixa seu comentário abaixo!

Como Calcular Décimo Terceiro
5 (100%) 41 votos