Blog Política

Como se filiar a um partido

Antes de saber como se filiar a um partido é interessante ter uma noção do que é um partido político, este é uma organização que tem como objetivo exercer o poder político em uma sociedade. Todo partido político tem que ter uma ideologia e defender pelo menos parte da população.

No Brasil existe um artigo que regula a criação de partidos políticos, com sua composição e funcionamento, o artigo 17 da Constituição Federal, ver lei.






Além disso, existe uma lei dos partidos políticos, Lei 9096, de 19 de setembro de 1995, que pode ser conferida clicando aqui, ver lei.

Por que filiar-se a um partido político?

Quando uma pessoa se filia a um partido, ela se torna mais ativa nas decisões, projetos, discussões e melhorias referentes à sua cidade, estado e país.

Quanto mais pessoas se interessarem em filiar-se ao seu partido melhor serão expostos e conhecidas às ideologias do mesmo para que a população vote mais consciente para benefícios da população.

Ao se filiar a um partido a pessoa também pode se candidatar a algum cargo político.

Como se filiar a um partido

Como se filiar a um partido.

Quais funções o cidadão pode ter dentro de partido?

A função de maior importância é acompanhar as propostas do partido, participar de discussões, dialogar e criar novas ideias para melhoria contínua e sustentável do país.

Lutar pelo que acredita ser melhor para a nação.

Quando uma pessoa se filia a um partido ela formaliza um vínculo para com aquele partido para dar apoio e ajuda formal.

Daí em diante a pessoa pode pleitear cargo de diretoria dentro partido, representar alguém do partido e até se candidatar a um cargo público.

Quem pode se filiar? Quem não Pode?

A pessoa que deseja saber como se filiar a um partido político deve estar em pleno gozo dos direitos políticos, isso de acordo com a Lei 9096, de 19 de setembro de 1995, já citada anteriormente.

Para que possa se eleger a algum cargo, o eleitor tem que estar filiado ao partido há pelo menos 6 meses antes da data das eleições.

Pessoas que não estejam em pleno gozo dos direitos políticos não pode se filiar a algum partido.

Dentro dos que não podem se filiar a um partido estão os servidores da Justiça Eleitoral, antes, para isso, devem pedir exoneração do cargo.

Os militares e magistrados, membros do Ministério Público e tribunais de conta, devem seguir as legalidades específicas para filiação segundo a Resolução Res.-TSE nº 23.117, de 20.8.2009 § 2º do art. 2º.

Como se filiar a um partido

Para quem se interessa em saber como se filiar a um partido, basta que a pessoa vá até a sede do partido que ela se interessa, falar de seu interesse, apresentar as documentações necessárias que são: Título de eleitor e o preenchimento de uma ficha para a sua filiação.

Após as ações acima o partido irá avaliar a requisição e o deferimento da filiação do eleitor será dado pela Justiça Eleitoral.

Considerações finais

Filiar-se a um partido político requer dedicação ao mesmo.

Uma vez filiado, o eleitor deve ser um membro ativo para conseguir agregar valor a sua filiação, tanto de maneira ideológica quando de oportunidades dentro do mesmo.

O mais importante, antes de saber como se filiar a um partido, o eleitor deve ter foco no bem maior que é a Nação na qual se vive, o Brasil e lutar para a construção de um país cada vez melhor.

Gostou das informações sobre Como se filiar a um partido? Então compartilha o conteúdo com seus amigos nas redes sociais e deixa seu comentário abaixo!

Como se filiar a um partido
5 (100%) 24 votos